• Home
  • Tag: diálogos

Como a Psicologia pode ajudar a sua Família ?

Primeiramente vocês como casal devem se perguntar: Do que a minha família precisa?

As vezes não se tem consciência de como está o relacionamento do casal. Isto poderá afetar os seus filhos. É importante perceber como eles tem se comportado, e que tipo de estado atual está seu lar. Ou seja, como tem sido o clima na minha família? Tenso ? de brigas,? cheio de negatividade?

Após verificar a situação atual, é preciso saber onde se quer chegar. E o primeiro ponto é entender o Valor da Família.

Você poderá pensar, mas isto eu já sei.

Daí te pergunto: será que sabe mesmo?

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Podemos dizer que algo importante para a família e a inteligência emocional.

Há varias definições de inteligência emocional, gosto desta; a inteligência emocional se traduz na possibilidade do ser humano de aprender a lidar com as próprias emoções e usufrui-las em benefício próprio.

É na família que começamos a entender estas emoções. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
É na família que nós somos formados. O ser humano aprende por padrões e nós temos dois padrões básicos: a matriz pai e a matriz mãe.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Como isto acontece?

O filho aprende o que fazer e o que não fazer com os pais.
É na casa que a criança assume um papel e esse papel vai ter toda influência lá na frente.

Poderia citar vários casos de pessoas que tiveram sua estrutura machucada na infância e cresceram de forma disfuncional.
Poderíamos afirmar que a falta de contatos, afeto e outros causam a disfunção familiar e em consequência a falta de personalidade.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Por isso, a família é importante. É fundamental!

É a base.

O amor e o cuidado pela minha família foi um motor propulsor de ser psicóloga e a estudar os relacionamentos familiares e de como se dá o desenvolvimento da estrutura familiar.

Fiz muitos cursos de treinamento da inteligência emocional para aprender a lidar com as minhas próprias emoções e a usufruir disso em benefício próprio.

Aprendi que devemos conciliar o lado emocional e racional do cérebro, neutralizando as emoções negativas, que produzem comportamentos destrutivos e, então, potencializar as emoções positivas para gerar os resultados desejados.

Todo este percurso torna as relações mais saudáveis.

Maria de Lourdes Batista
Psicóloga
https://www.apsicologiaonline.com.br/blog/

Fica a Dica

#lembre Dicas não é consulta.

WhatsApp chat